27 de jan de 2016

Aos 15!


Anteontem me peguei pensando nas minhas mudanças, li meu diário de quando tinha 15 anos e é incrível ver como eu me achava adulta e cheia de responsabilidades. Pensava que quando eu completasse 18 anos iria conseguir um emprego (simples assim), achava que poderia fazer qualquer coisa, fantasiava muito e acreditava em príncipes encantados, esse último é culpa da minha mãe por ter me apresentado aos livros de romance quando eu tinha 14 anos.
Lembro que na época eu era louca por McFLY e os meus planos, sonho e vida girava em torno de fandoms e outras futilidades. Incrível como perdemos tempo com bobeiras (que ao menos na época nos deixava felizes), o que eu achava essencial não passa de fantasias e caprichos de uma adolescente ignorante.

Fico agradecida por ter passado cada dificuldade que passei, fico feliz por ter me interessado por outros tipos de livros, por amar a ciência, por aprender a gostar de estudar, por ter saído de uma bolha e entrado de cabeça em um universo onde temos tantas coisas para aprender, ainda bem que conheci pessoas que acrescentaram e fizeram diferença no meu modo de pensar e finalmente fico muito grata por ter saído da adolescência onde muitas pessoas ainda permanecem!

Nenhum comentário :

Postar um comentário